Share



O que muito hoje a humanidade necessita? Refletir...
Precisa buscar ajuda... Permitir-se intuir...
Encontrar caminhos para si e fazer-se companhia
Apoiar-se em Deus, dar créditos aos seus
Reencontrar-se com a VIDA e a POESIA.

É um convite a pensar, conversar
Meditar com palavras explícitas
Implícitas experiências do Coração
Dar mais um espaço à EMOÇÃO!
"...a POESIA é para comer, senhores..."


7/22/2016

Voar na luz de ser...




"Oh, veste, voe...
Voe ao vento
Voe no tempo
Voe no momento
Até vivenciar 
a verdade da vida:
Amarras são ilusões 
Na mente, não nos corações...
És livre!"
_Valéria Milanês

Fonte imagem: Google Imagens

7/17/2016

Resplandecer de nosso sol...


"Enquanto houver vida, haverá esperança.
Sim, é certo, por mais espessas e negras 
que estejam as nuvens sobre nossas cabeças,
o céu lá por cima estará permanentemente azul..."
__José Saramago

Fonte imagem: Google imagens

7/13/2016

Sobre o que sabemos, não sabemos e o que queremos saber... Mesmo!


"Tudo o que o homem não conhece 
não existe para ele.
Por isso o mundo tem, para cada um, 
o tamanho que abrange o seu conhecimento."
_Carlos Pecotche

video
Trecho documentário "Olhos azuis" - Blue Eyed by Jane Elliott, 1996


... e do tamanho que nos permitimos 

           conhecer a nós mesmos;  

 sentir, ser...


... e do tamanho 

que nos permitirmos enxergar ... 

"O outro"!


video
Trecho de entrevista de Jane Elliott para TV Americana

--------------------------------------------------

__Nota do Blog:
* A divulgação desta obra é sem fins lucrativos, e com o propósito educacional, no intuito de democratizar o conhecimento.

Admirável sentir sem ser...



Da Série: #Tempos Modernos_Parte 2016



"Virtual amor...
Cheio de dizeres
Poucas genuínas e belas ações
Envolto a quereres
Largado nas sensações
Muita simbologia, emoticons
Bytes sonoros, sem íntimos sons

Muita alusão, valor artificial
Nenhum calor aos corações
Uma certeza é visível porém
Sobre o touch que toca ninguém
Ele é o enganar, o que convém
Um dizer que é sem ser
Um concreto torpor irreal

Oh, flor de ilusão... Flor sem cor
Com o correr dos ventos
Ao longo de inúmeros momentos
Assim tratastes a ti, sem sair de vós
E a todos com tal amor!?
Olhar algo só por um prisma, teleguiado 
É perder a carruagem do tempo, 
Viajar aprisionado..."
__Valéria Milanês

Reflexão Poesia Poemas Amor Sentir Ser
Fonte imagem: Google imagens

video
Fonte/Créditos: final do vídeo

--------------------------------------------------

__Nota do Blog:
* A divulgação do vídeo acima é sem fins lucrativos, e com o propósito educacional, no intuito de democratizar o conhecimento.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...