Share



O que muito hoje a humanidade necessita? Refletir...
Precisa buscar ajuda... Permitir-se intuir...
Encontrar caminhos para si e fazer-se companhia
Apoiar-se em Deus, dar créditos aos seus
Reencontrar-se com a VIDA e a POESIA.

É um convite a pensar, conversar
Meditar com palavras explícitas
Implícitas experiências do Coração
Dar mais um espaço à EMOÇÃO!
"...a POESIA é para comer, senhores..."


6/16/2013

Reflexões sobre Resiliência

Série: #Reflexões


O que é essencial para construir novas 
formas de reagir ou pensar? 
Não ter paredes na alma... Ser resiliente!
Ainda que algo não lhe pareça favorável, 
há que se buscar perceber os fatores
 que estão gerando isso; 
onde uma mudança de comportamento próprio, 
melhora essa adversidade, inclusive.

Como se consegue superar o desfavorável 
usando o próprio desfavorável? 
Enfrentando-o, determinando 
e trazendo pra si a responsabilidade 
de alterá-lo (e não o contrário), 
segundo o que necessita... 
Isso evita um conjunto de frustrações
 e constrói um passo-a-passo de vitórias 
- que se transforma em uma 
Caminhada Vitoriosa - 
e nos objetivos tão esperados. 

E isso só pode acontecer 
com um novo olhar, 
em querer uma nova forma de sentir... 
Uma nova alma!
 Não se pode ter mudanças na vida, 
reagindo sempre da mesma forma... 
*Conforme já dizia outro poeta: 
"A única maneira de teres 
sensações novas é construíres-te 
uma alma nova."
                                                     (Valéria Milanês)

Reflexões sobre Resiliência
Fonte imagem: Google imagens

6/13/2013

Dúvidas desencontradas

Há momentos que te chamo,
Porque Minh'alma grita, 
Se agita e dói enormemente.
Há momentos que não te chamo,
Para ver como a sua reage 
E o que realmente sente...
Há momentos que te preciso tanto, tanto
Que essa conexão nem tem mais nome.
Quando você simplesmente some,
Ficam as dúvidas, a agonia e o pranto... 
A incógnita se há nisso tudo alguma sanidade.

Quando a hesitação povoa um ser, 
Seria uma forma de autopreservação? 
A paz de outrora é melhor do que esse doer?
Lembranças dos desencontros, das incertezas...
Tomam corpo para o que talvez não se queira ver...
O que realmente existe?
Ou é só um quem insiste na utopia?
Apenas confortando uma alma, 
Enquanto se ilude que no sofrer há beleza?

Sonho de dois é realidade, já dizia o poeta. 
Mas e de um só, o que seria?
Um poeta sabe viver com a verdade 
Ou ele é quem atrai a fantasia?
Pobre coração... Nem as dúvidas 
São maiores que seus anseios e devaneios...
                                                                                               (Valéria Milanês)
                                                                                                                                                                                                                              Fonte Imagem: Google imagens

6/04/2013

O Poeta e seu Verdadeiro Nome

         
 Não é difícil perceber um poeta, 
sendo muito possível impregná-lo 
de múltiplas emoções, e ele se sentirá luz... 
 Esquecendo a escuridão.

           Difícil mesmo, é ensiná-lo uma emoção 
que já não tenha sorvido profundamente.
           Poeta anda de mãos dadas 
com a tristeza e a alegria, simultaneamente.

           Com o abismo do breu e a luz plena, 
- o que o faz etéreo -,
 iluminando multidões por através da poesia.
           O yin yang em pessoa...  O metá-metá, 
que dizem só existir na mitologia...
   ___Valéria Milanês

“Ser poeta é…
Deixar se envolver pelas impressões no ar
Tendo como destino a imensidão de sentir
Ouvir os gemidos inexprimíveis a cantar
Perdendo a razão com os sentidos de existir


Viver a vagar…
Com um espinho no peito
Sem deixar de doer e condoer
Vive sem ar…
Inebriado com os suspiros do mundo
Cheio de sensações, sentimentos profundos


Andar sorvendo as alegrias, as fantasias
Buscando que sejam verdadeiramente as suas
Dar espaço a toda luz
Para que esta reluza, o conduza
Buscando evitar toda a sua escuridão
Que vem das estradas, das ruas


Com destino certo nasce o poeta,
Que tem coração e alma de profeta:
Ser para-raios de emoções
Viver a descrever e vivenciar tudo quanto há
Nos envolvimentos e nas grandes ilusões
Este é o seu verdadeiro nome…

O resto some…”
__Valéria Milanês


Foto/Fonte:  Google imagens
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...